segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

dia 24, no Barreiro


No dia 24 de Dezembro, dei um passeio com o meu cunhado pelo Barreiro. Enquanto me mostrava o local onde crescia o linho e a fraga onde se protegia da chuva, a noite foi chegando. Olhando o horizonte em direcção ao poente, a vista era magnífica. Tão bela que não necessitava de cores para ser mágica!

1 comentário:

Carla ALVES disse...

Que magnifico, que belas paisagens, tou com saudades .